11 de Janeiro de 2016

Como fazer chimichurri caseiro

1670

Agora que o verão decididamente chegou, sabemos que vai ter muito churrasco, praia, sol e piscina na programação de muita gente. Por isso, queremos lhe ensinar a fazer alguns molhos saborosos e saudáveis para aproveitar ainda mais essa época do ano, começando pelo chimichurri.

Como fazer chimichurri caseiro

O chimichurri é um molho tradicional no Uruguai e na Argentina que combina perfeitamente com o churrasco. O chimichurri deve ser usado de duas maneiras: para marinar a carne antes de levá-la ao fogo por no máximo 2h, caso contrário, você só sentira o sabor dos temperos; ou para temperar a carne ou vegetais após assá-los. 

Na verdade, você também pode comer o chimichurri puro com pão, como uma entrada ou aperitivo. Porém, o que você não deve fazer é usar o chimichurri na carne, nos vegetais ou no pão antes de levá-los ao fogo, pois tudo o que você irá conseguir será um terrível gosto de queimado na comida. 

Pois então, você precisará desses ingredientes para fazer o chimichurri:

  • 3 xícaras de ervas verdes frescas - recomendamos que você use salsinha, orégano e coentro, mas substitua uma delas conforme o seu paladar
  • 6 dentes de alho
  • 3/4 de uma xícara de azeite de oliva extra-virgem
  • 1/4 de xícara de vinagre de vinho tinto (você pode substituir o vinagre pelo suco de limão)
  • 1/4 de colher de chá de pimenta caiena ou pimenta calabresa
  • 1/4 de colher de chá de pimenta do reino moída

Lave bem as ervas frescas e separe apenas as folhas que deverão ser picadas, assim como os dentes de alho. Depois, em um recipiente, de preferência com tampa e pronto para ser armazenado, misture as ervas, o alho, e as pimentas. 

Com todos os ingredientes secos misturados, adicione o vinagre de vinho tinto e o azeite de oliva extra-virgem e mexa com uma colher. Tampe e deixe descansar fora da geladeira por pelo menos uma hora, mas sugerimos até 48h de descanso para que os sabores das ervas, do alho e das pimentas sejam bem absorvidas pelo azeite. 

Em geral, o ideal é consumir em até uma semana, mas é possível que esse molho fique bem conservado por até 15 dias na geladeira. 

Comentários